segunda-feira, 17 de maio de 2010

Bertold Brecht. VII

O poema do Brecht de hoje, me lembrou daquela famosa frase que surgiu nos muros de Paris em maio de 1968, 
"Sejamos realistas, exijamos o impossível"...


Com Cuidado Examino


Com cuidado examino
Meu plano: ele é
Grande, ele é
Irrealizável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário